Quem com ferro fere

O primeiro que manifestou seu amor por mim escreveu numa folha de caderno, vergonhosomente dobrada e posta sob a minha carteira, a frase “I am love you”. “É só ‘I love you'”, corrigi plena de desdenho.

Desde então, maltrato os corações que ousam gostar de mim.