A dez minutos de casa

Ele não era meu amigo. Eu não fui um dos 60 alunos da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo que viajou 240 quilômetros até Itobi, como meu irmão, para acompanhar velório e enterro. Mas, passando agora pelo quilômetro 14 da Castelo Branco, foi difícil não sentir dor.

Sem sinais de bebida.

Triste demais.

Anúncios

Um pensamento sobre “A dez minutos de casa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s